Seja bem-vindo ao Cristão Capixaba!

Reflexões acerca do mundo cristão.

quinta-feira, 6 de junho de 2013

E AÍ VOCÊ ASSISTE TV COM SEUS FILHOS?

Depois que você se torna pai muitas coisas mudam na vida do casal e nas rotinas do lar. Dentre tantas vou falar sobre uma: assistir televisão.  Por conta dos filhos pequenos a gente passa a acompanhar muita programação infantil, muita mesmo. Em minha casa existe uma censura quanto ao que podemos assistir em família (minha esposa é quem cuida disso, inclusive ela não assiste mais novelas e eu as sessões da câmara de vereadores de Guarapari – não é brincadeira eu assistia mesmo; o menino é que não me permite – afinal as sessões só tratam do que é para o bem de minha cidade).

Eu sempre tive preferência por programas evangélicos, jornalísticos, documentários, política, economia e alguns filmes; mas depois que meu filho nasceu e cresceu um pouquinho, zapear ficou complicado. O interessante é que na medida em que fui me envolvendo conscientemente com essa “cultura infantil difundida pela TV”, percebi que há canais com programação diferenciada para nossos filhos. Isso mesmo papai e mamãe, aqui escreve quem analiticamente acompanha à prole em seu entretenimento.

Em minha casa encaramos como uma missão telespectadora de acompanhar, orientar e instruir nosso filho sobre o que ele assiste e ouve da TV. Respeitar a classificação indicativa, estabelecer padrões seletivos e permitir o que os filhos podem ver ou não na televisão é responsabilidade dos pais. É falta gravíssima entregar o controle da TV aos pequenos e abandoná-los na sala ou no quarto para assistirem o que quiserem – é omissão irresponsável por parte de quem tem o dever de zelar e cuidar pela doméstica educação infantil. Televisão influencia até crente adulto que não vigia quanto mais uma inocente criança.

Não se enganem, há desenhos infantis mais carregados de paganismo, ocultismo, invocação de demônios, mensagens subliminares, incentivo à violência e culto à vingança do que muitos seriados, filmes e novelas. Sem demonizar a TV ou espiritualizar tudo o que se deve fazer em casa, televisão e internet quando absorvem muito do tempo e da atenção de nossos filhos (se isso acontece em sua casa deve ser porque eles não estão recebendo a devida atenção familiar); como precaução devemos nos aproximar e acompanhá-los de perto a fim de conhecermos o que estão vendo e assistindo.

Bom exemplo é o que precisamos fornecer aos nossos filhos em casa. Vamos ensiná-los a orar, a ler a bíblia, a freqüentar à EBD e aos cultos. Mas também sejamos humanos, normais e, sobretudo bons cristãos. Tem crente que proíbe e acredita que seu filho não assiste TV, não seja ingênuo – estamos no século XXI. É melhor orientar e influenciá-los pela tutela de uma formação cristã do que privar-lhes do óbvio e lá na frente perde-los para o mundo. Então se for preciso, para o bem de seu filho – ASSISTA TV COM ELE, VEJA O QUE ELE VÊ!
Postar um comentário